A opinião de ...

Quando um consumidor vai pedir um empréstimo deve avaliar se tem capacidade para o pagar. Identicamente, quem empresta dinheiro deve avaliar se quem o pede apresenta condições para cumprir com as prestações. Ou seja, as instituições de crédito estão obrigadas a promover a concessão de crédito responsável.
A situação profissional, o rendimento, a idade, o montante, o prazo de amortização, a taxa de esforço (peso dos créditos no rendimento), as despesas do orçamento familiar ou as garantias, são aspetos que deverão ser avaliados por quem concede crédito.

Qui, 2020-10-29 10:20

QUESTÃO:-“…já lá vão alguns anos que possuo um prédio mas não está em meu nome e também não sei se está em nome de alguém. Dizem-me que já vem do tempo dos meus avós e que não há nenhum registo nas Finanças nem na Conservatória. Como posso legalizar definitivamente esta situação para não deixar problemas aos meus herdeiros?…”

Qui, 2020-10-29 10:16

Não basta emprestar o ombro ao amigo, é necessário ser o ombro amigo.
Sexta-feira, 23 de outubro, a Assembleia da República “chumbou” um pedido de referendo de iniciativa popular, com mais de 95 mil assinaturas, sobre a despenalização da morte assistida, ou eutanásia. Votaram contra o PS, BE, PCP, PEV, PAN, 9 deputados do PSD, incluindo o seu líder, e mais duas deputadas não inscritas.

Qui, 2020-10-29 09:53

Neste artigo, e no próximo, desventraremos as sombras da noite dum mundo fechado, sobre as quais o papa Francisco faz incidir a luz do seu sonho, propondo gestos, atitudes e ações que geram fraternidade. São quatro as sombras que eu identifico no primeiro capítulo desta encíclica, como escolhos que impedem o avanço da fraternidade universal. Ei-las: uma certa cultura política, uma certa cultura da globalização, uma certa cultura económica e uma certa cultura digital. Hoje, deter-nos-emos nas duas primeiras.

Qui, 2020-10-29 09:52

Com este artigo terminamos a sequência de quatro que dedicámos à Doutrina Social da Igreja Católica (DSI). Com base na comunicação do Padre Doutor José Manuel Pereira de Almeida, elencámos os princípios da Doutrina (dignidade de todos os seres humanos, bem comum, universalização dos bens de produção e consumo, solidariedade, subsidiariedade e participação). Analisamos, no último e neste, dois dos aspectos que se nos afiguram mais polémicos na Doutrina – a propriedade universal dos bens e a participação enquanto acesso e uso igual dos bens comuns.

Qui, 2020-10-29 09:48

Para, em tempo oportuno, dar o merecido destaque a alguns dos muitos e importantes factos políticos que, multiplicando-se como “setos” nos pinhais depois das primeiras chuvas de outono, ocuparam, durante o mês de outubro as grandes manchetes da comunicação social, adiei a publicação do último trabalho sobre as estradas 218 e 317.
Por ser humanamente impossível aborda-los todos, escolhi os três mais importantes e atuais, como sejam a instalação da aplicação STAYAWY Covid, a próxima eleição do Presidente da República e a proposta de orçamento de estado para o ano de 2021.

Qui, 2020-10-29 09:47

Outubro está a chegar ao seu final e já é possível fazer um balanço ainda que provisório do segundo mês do outono meteorológico na nossa região. Olhando os dados provisórios disponibilizados pelo IPMA, podemos concluir que este período foi, no que toca às temperaturas, muito variável e húmido no que toca à precipitação.

Qui, 2020-10-29 09:38

Logo que ficou disponível, instalei, no meu telemóvel, a aplicação Stay Away Covid. Por três razões: é voluntária, mantém o anonimato e apoia o útil rastreio, deteção e confinamento de possíveis focos de disseminação da Covid 19. É uma ferramenta evoluída, segura e útil. Mas não é, obviamente, o Santo Graal do necessário combate à pandemia. Tem, reconhecidamente, algumas virtudes que são, igualmente, as suas maiores fraquezas, sobretudo se fosse tornada obrigatória como insensatamente queria o Primeiro Ministro.

Qui, 2020-10-29 09:37

No intuito de combater a pandemia o governo decidiu impedir os vivos de no dia 2 de Novembro visitarem, chorarem, e honrarem os seus familiares, os seus saudosos entes queridos enterrados nos cemitérios, no intuito (impulsivo…) de combater a pandemia. Apesar de nesse mesmo dia os governantes irem lembrar as vítimas da peste é um acto arriscado porque toca na sensível lembrança dos membros nucleares de cada um (pais, avós, irmãos, tios e primos), os quais escolhiam a data para (pelo menos) uma vez em cada ano publicamente lhe renderem preito.

Qui, 2020-10-29 09:36

Pronto, a segunda vaga está aí, com a força de um tsunami. Os telejornais voltam a ser dominados pelos números, numa altura em que o novo coronavírus parece mais ativo do que nunca, ultrapassando, mesmo, os tempos iniciais de confinamento, em que o medo se instalou no meio de nós.

Qui, 2020-10-29 09:35

Este ano não faço romagens, procissões e, celebrações comunitárias, aos cemitérios para evitar, a todo custo, a propagação do vírus Covid 19, que por cá nos tem afetado, mais do que em qualquer outra região do país.

Qui, 2020-10-22 10:12

Vivemos hoje, numa sociedade de risco elevado. É essa a perceção dos portugueses, dos europeus e também dos cidadãos do mundo. Esta perceção global de exposição ao perigo, já era justificada por diversos fatores, uns mais evidentes e palpáveis outros mais indefinidos. A criminalidade associada à violência urbana, os acidentes de viação e as suas consequências são fenómenos bem conhecidos e próximos. Já os resultantes da poluição e das alterações climáticas ou de qualquer tipo de terrorismo, da exposição nuclear ou às armas de destruição massiva parecem estar algo mais distantes.

Qui, 2020-10-22 09:54

É significativo que o papa tenha adotado, do Poverello de Assis, não apenas o nome, mas as expressões. Iconograficamente, até as expressões que dão o título a duas das suas três encíclicas: Ladato Si e Fratelli Tutti.

Qui, 2020-10-22 09:35

Há anos, quando escrevi uma crónica sobre a defesa dos direitos humanos, referi o célebre discurso de William Pitt - (1.759 – 1.806) perante o Rei de Inglaterra que queria entrar na casa dos seus súbditos com o objectivo de encontrar sidra para aplicar o imposto: - “o homem mais pobre na sua cabana desafia todas as forças do Coroa; a sua cabana pode ser frágil, o seu tecto pode estar a ruir, o vento pode atravessá-la, a tempestade pode entrar; a chuva pode entrar, mas o Rei de Inglaterra não pode entrar”.

Qui, 2020-10-22 09:34

Tal como o previsto na semana passada, a bonança que vinha a ser uma constante praticamente desde o início do mês, viu-se interrompida pela instabilidade que chegou ao país e também à nossa região pela mão da depressão Bárbara, nomeada pela AEMET no passado domingo, já que atingiu a categoria de depressão de grande impacto ao obter previamente avisos de cor laranja para o vento, o que equivale a rajadas até 130km/h.

Qui, 2020-10-22 09:20

“Malbrough s’en va-t-en guerre,
Mironton, mironton, mirontaine.”
Cantiga tradicional francesa

“Mambrú se fue a la guerra
Que dolor, que dolor, que pena.”
Cantiga tradicional spanhola

“Mirandun se fui a la guerra,
Mirandun, mirandun, mirandela.”

Qui, 2020-10-22 09:18

Ao longo dos últimos sete meses, temos sido bombardeados com as mais diversas teorias e estudos relacionados com a pandemia que nos tem estupidificado a vida.
E muitas orientações. Do 'não use máscara porque dá uma falsa sensação de segurança' ao 'use máscara porque não há segurança para andar sem ela'. Portanto, já ouvimos de tudo e o seu contrário.

Qui, 2020-10-22 09:17

A memória facultativa do Imaculado Coração de Maria celebra-se no sábado, do 2.º Domingo a seguir ao Pentecostes, um dia depois da solenidade do Sagrado Coração de Jesus. A Igreja diz-nos que os dois corações são inseparáveis, onde está um, está também o outro e, que Maria nos leva sempre a Jesus. A teologia do Coração de Cristo ilumina a entrega ao de Maria.

Qui, 2020-10-15 10:32

No artigo do passado dia 1 de Outubro (A Doutrina Social da Igreja: a Nova Utopia? (1), MB 3801, p. 16), apresentámos uma síntese da Doutrina Social da Igreja (DSI).
Elencámos os seus fundamentos, a saber: dignidade do ser humano, bem comum, propriedade comum dos bens, solidariedade, subsidiariedade e participação. Há princípios que se nos afiguram polémicos. A propriedade universal dos bens é um deles.

Qui, 2020-10-15 09:42