Ruben Veiga

O Momento e o Contexto no Futebol: Uma Reflexão importante que devemos fazer

No mundo do futebol, o momento e o contexto desempenham papéis extremamente importantes na forma como os jogadores e treinadores são vistos, avaliados e reconhecidos. A capacidade de brilhar em momentos-chave, como, por exemplo, em competições importantes, muitas vezes consegue sobrepor-se ao desempenho de uma época inteira. Esta forma de avaliação e de julgamento, dá mote a algumas questões importantes sobre o que será então a verdadeira natureza do sucesso ou do insucesso no mundo do futebol.

O Momento, Quando os Olhos do Mundo recaem sobre si:


Trás-os-Montes e o Desenvolvimento do Futebol de formação

Desafios na Promoção dos Talentos Locais:

Na região de Trás-os-Montes, caracterizada por uma natureza única e de tradições culturais distintas, o futebol de formação assume um papel desafiador e uma oportunidade singular. Distante dos holofotes das grandes cidades, as equipas de formação transmontanas enfrentam circunstâncias particulares, moldando jovens aspirantes poderem um dia brilhar nos grandes palcos.

Identidade Marcante:


Treinadores de Bancada: Críticos ou Entusiastas do Futebol?

O futebol é um desporto apaixonante, que move multidões e gera intensos debates entre os aficionados/apaixonados. Um aspeto curioso deste universo é a figura do "treinador de bancada" - aquela pessoa que, do conforto da sua cadeira, costuma tecer críticas, dar palpites e opinar sobre as decisões tomadas pelos treinadores profissionais.

Mas afinal, quem são estes "treinadores de bancada" e qual é o seu verdadeiro papel no mundo do futebol?


O Futebol em Bragança: Paixão, Identidade e Desafios

O nosso distrito de Bragança, localizado no nordeste de Portugal, é conhecido pelas suas paisagens pitorescas, cultura rica e, é claro, pela sua paixão pelo futebol. Neste recanto do país, o futebol não é apenas uma atividade de lazer, é parte intrínseca da identidade da nossa comunidade. Hoje, vou abordar sucintamente a essência do nosso futebol transmontano, explorando os pilares que sustentam esta nossa paixão.

Paixão e Identidade Regional


Cultura de resultados: A paixão perdida do futebol

“Não é só o resultado que conta e sim o trabalho. Cultura de focar só no resultado é um problema.”

Esta reflexão do ‘mister’ Luís Castro ressoa profundamente não apenas no âmbito futebolístico, mas ecoa por toda a nossa sociedade.

É com base nesta reflexão que vou agora abordar um dos maiores problemas que existem não só no futebol, mas também que se instalou no nosso quotidiano, onde irei tocar em vários pontos que tem sido consequência deste problema que são os “números”.

Pressão e expectativas, o peso do resultado instantâneo:


Cegueira Clubística

Estará mais competitivo o campeonato português esta época? Ou será falta de qualidade e rendimento das equipas grandes nesta temporada?

Estas duas perspetivas são as que mais se discutem, mas no fim deste debate sabemos que não se trata de uma discussão, mas sim de uma questão de qual destes dois argumentos vai ser o melhor para justificar os resultados ditos "anormais".


"Campos utópicos"

Na minha crónica anterior, falei sobre um tema que apelidei “Assimetrias Futebolísticas” e no texto de hoje este tema servirá de mote para tocar num problema que existe na cidade de Bragança, a falta de campos para os nossos clubes poderem treinar melhor.


"Assimetrias Futebolísticas"

Pizzi, Rui Pires e Eduardo, são alguns dos exemplos da qualidade futebolística “Made In Trás-Os-Montes”, mas serão estes filhos únicos ao nível de talento das nossas terras?

Ouvimos muitas vezes falar a nível político e geográfico de um termo que se chama "Assimetrias Regionais", que define o esquecimento, a falta de evolução e de oportunidades de várias regiões em relação a outras e que afeta em muito a nossa “muy nobre terra”, um problema que também se pode aplicar em relação ao nosso futebol.


Assinaturas MDB